Radio Papo Cabeça

Radio Papo Cabeça
Informação com Responsabilidade

Tradutor Online

quinta-feira, agosto 07, 2014

A Importância das Micros e Pequenas Empresas no Desenvolvimento do Brasil.


Ricardo Neves dos Santos - Administrador de Empresas
https://www.facebook.com/riccardoneves
Graduado em Administração de Empresas pela Universidade do Tocantins- UNITINS
Pós Graduado em Gestão em Novas Tecnologia pela Universidade Luterana do Brasil- ULBRA
Assessor Parlamentar da Federação das Indústrias do Estado do Tocantins- FIETO
Membro do Fórum Permanente das Micros e Pequenas Empresas do Estado do Tocantins
Membro do Fórum Permanente das Micros e Pequenas Empresas da Secretaria da Micro e Pequena Empresa em Brasília.
As micro e pequenas empresas  instaladas no país, tem um forte papel, principalmente na alavancagem do crescimento do País.Os pequenas negócios que estão aberto, são fundamentais para fomentar o desenvolvimento dos estados federados , o que vem contribuindo  para um aumento na arrecadação e na geração de emprego e renda.
O papel das micros e pequenas empresas é importante para redução da desigualdade social, sendo a principal mola para geração de emprego no país, isso demonstra a capacidade de expansão, associadas ás um espírito empreendedor da sociedade mesmo diante da alta carga tributária e da enorme burocracia que impende a criação de novos negócios no país.Não basta somente ter a vontade de abrir um negócio, é necessário a habilidade e a criatividade de viver em ambientes altamente complexos e desafiador, com altas taxas de juros,concorrência feroz, burocracia e falta de  maior apoio governamental para MPES.
Para que o setor possa está continuamente expandindo suas operações são necessários mecanismos que permitam que as MPEs, possam ter vantagens competitivas em relação ás grandes empresas, principalmente quanto a expansão do crédito, bem como linhas especiais de financiamento, associadas às garantias, de modo que o governo proporcione  condições para que essas empresas possam buscar melhores condições de empréstimos visando financiar sua produção e seus serviços.
As micro e pequenas empresas são responsáveis pela grande maioria  dos empregos  formais em todo o País, segundo os dados do BNDS, mais de  13 milhões de trabalhadores, demonstrando  a importância de investimento nas MPES,associados a políticas publicas  voltada para esse setor, visando aumentar a forca e  a capacidade de crescimento dessas empresas.Diante do cenário, para que o país possa ter empresas competitivas, seria necessário um melhor tratamento paras as  Micros e Pequenas, uma carga tributária menor, uma política de incentivo que atenda com maior amplitude os anseios do setor, bem como realizar uma política de desburocratização ainda maior e  que facilite a abertura e o fechamento das MPES, associada a uma política de Estado que possa enxergar as Micros e Pequenas como a mola propulsora para o desenvolvimento do Brasil.



Email

Onde já estive